7 de jun. de 2020

Tantas declarações para fazer
E essa distância que impede
E ofende com saudade
Ah, me dou conta
aqui já declaro
meu amor


30 de mai. de 2020



Posso compartilhar meu grito?


Com o universo


É tudo que peço


Sem filtro


sem nexo


Só uma vontade


Um emaranhado


Disperso
Os sonhos que ouço
de quem não acredita neles
Jogadas ao vento
palavras soam como a música
que chegou ao fim
Bonito de ouvir
Depois engavetado

Encontramos motivos
temporário
temporais
É escassa a ilusão
Finco os pés no chão


Camila Karina

22 de mai. de 2020

Ação
Reação
Ação
Reação
Estamos em cadeia
E a cada ação
uma reação
divide cenas e caminhos
A cada ação e reação
Um belo dia
Une destinos


Camila Karina

15 de mai. de 2020

Pernas e braços alcançam a lembrança
E a saudade pulsa
Feito um relógio
No sentido horário, contrário
A distância

27 de abr. de 2020

Palavras ressoam
de passos do futuro
Andando em círculos
Terá um fim? 


17 de abr. de 2020

E com quem posso compartilhar meu grito
para me sentir liberta?
E com quem posso comemorar
meus ímpetos sem métrica?
E com quem posso demonstrar
meu modo efusivo
sobre pequenas coisas
sem me preocupar
se está demais?



Posso fazer isso comigo
Com o  universo
com tudo que expresso
Sem filtro
sem nexo
É uma vontade
Um emaranhado
Disperso


Camila Karina

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.