31 de out de 2013

Dos egoísmos que me esquivo
Me deparo com minha própria força
solitária das continuidades
A poesia foi ferida
A ternura despercebida
Como encontrar a simplicidade
com tanta adversidade?

Camila Karina
Será que as declarações de amor
ao vento chegam até onde o amor está?
O combustível da palavra é o sentir
Se nada faz sentido como poderá existir?

Camila Karina
 
Há silêncios cheios de palavras e significados
E há silêncios vazios


Estes não dizem nada


São vácuo de tempo

Será que tudo foi perdido?


Ou tudo que não foi dito tem um lugar no destino?



Camila Karina

30 de out de 2013

Juntando todos os medos do futuro
não sobra tanto presente assim
Carrego comigo a manivela que
impulsiona meu sangue e mente
para atentar o que realmente importa
O braço cansa
A mente cansa
Mas nada como fechar os olhos e sonhar mais um dia

Camila Karina

21 de out de 2013

Vejo todos os meus sonhos tão distantes
cada um espalhado no universo
Não sei qual o plano :
Se ele vai traze-los para perto
ou me propor que mude de sonhos
 Me diga, universo!

Camila Karina
A alma é um tesouro, mas entende-la, reconhece-la e aprecia-la é raro e seu guardião é a sensibilidade. Pena que o orgulho e a raiva impedem de encontra-la. Então, este tesouro continua no mesmo mapa.

Camila Karina

18 de out de 2013

A distância não explica nada
E quanto mais distante menos entendido


Camila Karina

11 de out de 2013

Construir
Descobrir
Quem vai?
Quem fica?
Quem me leva?

Camila Karina
O tempo fala
O tempo cala
O tempo responde
O tempo silencia
O tempo só não diz
qual escala que pegaremos
ao dar o próximo passo
O tempo ajuda
O tempo é cruel
O tempo também faz
O tempo é aquele que carrega munição
e paz


Camila Karina

9 de out de 2013

Ninguém diria
que todo dia
meu pensamento
teria 
o  sentimento
de sonhar
fazer
até sofrer
pelo que mais queria
Ninguém diria
que é do pensar
que tudo se cria

Camila Karina

5 de out de 2013

Coincidências existem mesmo ou são apenas piadas do universo para nos confundir?

Camila Karina

1 de out de 2013

Não sei até que ponto esta corrente que sigo
é a mesma que gostaria que me levasse

Camila Karina

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.