8 de dez de 2008

O ano está nas ultimas linhas e geralmente ficamos reflexivos, fazendo um grande balanço do que vivenciamos e o que não vivenciamos..porém tudo com saldos positivos.
Estou a ponto de chegar a uma idade que sempre tive em mente que era o divisor de águas na minha vida. O engraçado é que, quando criança..participei de uma dinâmica, em que a professora pediu para escrevermos como nos veríamos (na época), com 10 anos a frente e que escondêssemos de nós mesmo a carta e só abríssemos quando tivessem passados os 10 anos.

Bom, os 10 anos passaram e escondi tão bem escondido que nunca mais encontrei. Mas minha memória escrita é muito forte e lembro-me de algumas coisas. Várias delas se realizaram, o que me faz crer que realmente é preciso acreditar com muita força nos desejos e sonhos e claro, uma pitada de sorte e fé. (mas isso varia de pessoa pra pessoa e em que ela acredita).

O fato é que muitas coisas mudaram. Outras não.

Mudanças, mudanças...sempre espero por elas, mas as vezes não as sinto. O bom mesmo é se olhar no espelho e encarar que certas características estão intrínsecas à nossa essência, ou como chamam cotidianamente: os defeitos. Foi neles que me peguei pensando diariamente, tentando achar uma “solução”. Existe solução para defeitos?
O que são os defeitos afinal? Se você começa tentar solucionar é possível que você perca um pouco de sua essência? Ou se tornara alguém melhor? Mas para tornar-se melhor não seria mais apropriado acentuar suas qualidades?
São muitas perguntas, paradoxos, e nesse mundo de perguntas repetidas resolvi não me perder e sim me acalmar.

O bom mesmo é vivenciar cada dúvida e quem sabe achar algumas respostas. Longe mim achar todas elas, senão, qual seria a graça de chegar o fim do ano e não ter nada pra refletir? Não, sou instintivamente questionadora, reflexiva. As respostas naturalmente aparecem quando eu já não estiver buscando nenhuma dessas, mas novas respostas.

Cantinho da neurose: mas já existe aquela velha frase.."Pensar enlouquece"..

3 comentários:

Alex Skyline disse...

Wow se tem uma coisa que elouquece eh pensar! hehehehe Tenho andado curiando seu blogg mas axo que vc nao se importa pq deixou eu "acompanha-lo" heheheh
Olha eu to olhando aqui e ali pra ver se me inspiro nessa coisa de "revisao do ano que passou ou passando esta", mas ta dificil viu, ainda nao cosegui se quer colocar minha cabeca no lugar. Parece que os furacoes passaram mas a marola ainda esta por aqui. wow... era pra ser so um comentario e virou um post. heheheh sorry.

Ivan Daniel disse...

Tentei escrever um pouco das minhas reflexões de fim de ano, e quase fica um título igual ao desse teu post aqui :)
Confesso que foi lendo o post anterior que fiquei inspirado a escrever sobre reflexões de fim de ano, pois imaginei um final falando de esquecimento e de viver o que virá.

Ivan Daniel disse...

Mas eu juro que não tinha visto ainda esse post com o título 'reflexões...', foi coincidência mesmo.
rsrsrsrs...

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.