4 de jul de 2014

O dia começou agitado, porque é dia de jogo. Mas isso não me comove, não gosto de futebol, e a copa está acontecendo, algumas pessoas querendo ou não. A questão é que, alguns ônibus passaram lotados e preferi me atrasar do que entrar em algum deles, mas não teve jeito. Entrei no ônibus relativamente lotado ( nada comparado ao que se vê em SP, mas estava). Tentei passar um pouco mais para frente mas estava impossível, tinham dois estudantes com mochilas gigantes. Pedi licença e um deles me olhou furioso e disse: "Só arredar que passa!". Isso me deu nos nervos. Respirei fundo, mas sabia que não conseguiria ficar calada. Minha primeira ideia era dar uns gritos com o moleque, mas, lembrei que com grito, a reação é de defesa, então, peguei no braço dele com carinho e disse: "Cara, a tua mochila ocupa muito espaço, será que não rola de tirares da costa e deixar embaixo? Vai trazer dois beneficios; um pra tua coluna e vai abrir espaço. Tens direito a ter o teu espaço e eu também não é?" O outro estudante que estava com ele, logo tirou a mochila das costas e ele também, um pouco resistente, mas rolou. As vezes esquecemos que existe espaço para todo mundo. Não só no ônibus, mas em todo lugar, porém, RESPEITO é mais do que essencial para que cada espaço seja utilizado da melhor forma sem prejudicar a passagem de ninguém. 

‪#‎reflexões‬ do Busão

Camila Karina

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.