18 de mar de 2009

Ando com a cabeça cheia
Penso por demais da conta
Olha que a coisa tá feia
A qualquer hora alguém te apronta

Tantas pontas desatadas
Rolos que não tem mais fim
Não dá pra saber de tudo
Nada é tão claro assim

Ando com a cabeça cheia
É melhor esvaziar
O que pesa mais é o sonho
E no pensamento ele não tem lugar

Quem precisa de problema
Ainda mais sem solução
De problema desse tipo
Eu já tenho coleção

Ando com a cabeça cheia...



Alice Ruiz


*A madrugada é sem dúvida o melhor momento do ócio criativo.

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.