7 de set de 2009

Vivemos num eterno júri, onde somos juizes, réus, jurados, acusados, acusadores, apontadores de dedo na cara de alguém e alguem com o dedo apontado na nossa. Nesse vice-versa de personagens em que momento você encontra o equilibrio?

Equilibrio e distorção.



Camila Karina


0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.