12 de jun de 2012

Aprender a andar é contínuo. Nunca se esta com a postura correta, nunca se pisa corretamente. Quase sempre colocamos o peso numa perna só. É assim que a realidade do que pulsa no meu peito se representa. Quando renasci comecei a reaprender a andar. Vez ou outra caio, tropeço, machuco as pernas, os pés doem, coluna dói, coração dói. Tudo porque aprender a andar é contínuo. E é caminhando que se aprende. 

É assim com um coração partido. (!)


Camila Karina

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.