16 de fev de 2010

Distância à esmo
Faminta pela presença que compõe válvulas de sorrisos
Nos sonhos, nos olhos, memórias e mais
Lembranças sem toques e transparências
Tragam-me a composição que não me pertence, mas que me soma
A composição liquida e sólida, emergente, efervescente
O meu composto, diapasão inerente

Camila Karina

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.