4 de jul de 2010

Ao primeiro piscar de olhos
Nas chegadas
Das manhãs
Das noites
Os dias nunca são brancos
Os labirintos desaprecem
Na simetria do sentir e pensar
As vontades e desejos convergem
Para apenas um desígnio
Te encontrar

Camila Karina

2 comentários:

Genny LiMo disse...

Lindo poema! ;)

Berncramos disse...

Na minha opinião, esse, é sem duvida um dos teus melhores poemas.

beijo!

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.