23 de mai de 2010

Nestas simplórias medidas
Os limites são meias verdades
De um extremo ao outro
De reticências ao ponto
Nestes conceitos
nada valem as afinidades
Só o que se espera do outro
O que chega parece pouco
O visível é simples
É fátuo
Tem um ilusório domínio de medir
Esta métrica impostora
que nos impede de sentir

Camila Karina

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.