17 de mai de 2010

O tom da voz
Que ecoa pelos poros
Como ventos leves
Que passam, desenham
Arrepios, pêlos
Poros
Brilhos
Olhos
Profundos
Nossos
Mergulhos
Encontros
Num suspiro
O Sentir (dos)
Poros (de)
Olhares
Similares
Que se encontram
Respiro
Nossos oléos
Nas essencias
Do perfume
Na fragância do querer
Dos olhares, um
Milagre
Renascer

Camila Karina

0 comentários:

Pensaram por aqui

 

Copyright 2010 Paralelos do Cotidiano.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.